Casa Fragni Aves de ninguém e A janela, a única

R$39,00 R$26,90
31% OFF

Autor: Marcus Alexandre Motta

“Dizia: ‘sou um anarquista radical. Não entro em acordo nem comigo - e as leis que crio, desobedeço. Mas, por isso mesmo, sou um monarquista. Súdito de reis personagens que acham beleza em terra arrasada, cunham esperança onde não há, olham tudo pelo avesso, quando não de outra maneira imprópria, fazem tratados que qualquer sociologia, história, antropologia e etc., se fossem humildes e discordantes de si mesmas, beijariam os mantos. Em certos momentos, sou também um imperador. Seguro o cetro da velha expectativa e dou com ele na minha cabeça, deixando galos que impedem a minha coroa ficar no lugar certo. Meu trono é feito de páginas que nunca escrevi e o meu império, minha imensa propriedade, é a loucura que advém de qualquer vista. Meu conselheiro-mor é um personagem que nunca fala e sempre sorri. O bobo da minha corte repete constantemente, com humor absoluto, o que não escuto, mas sei com humanitismo e sertão. Meu brasão só tem um passarinho que parece tentar buscar companhia no ar e, por isso, é livre. Mas isso que falo é por ser quinta-feira. Se fosse outro dia da semana, quem sabe?’”

Compartilhar: